FANDOM


Prédio do Planeta Diário

Prédio do Planeta Diário.

O Planeta Diário é um dos mais antigos jornais de Metropolis, sendo considerado também o mais respeitável. O slogan do jornal é "Direto da Fonte".

Foi fundado por Samuel Stern em 1826 e pertenceu a família dele por mais de 150 anos. Foi vendido em 2002 para a LuthorCorp, porém Lex Luthor acabou por vende-lo, depois de tomar conta da LuthorCorp, pois não o achou tão lucrativo.

A característica mais marcante do edifício é o enorme globo que existe em seu topo. O jornal aceita quatro estudantes do estado como estagiários todo o verão.

Posteriormente a Bridwell Communications acabou por vende-lo para a Galaxy Broadcasting Sistem. Esta foi, posteriormente. comprada por Chloe Sullivan.

Aparência física Editar

Exterior Editar

O edifício do Planeta Diário está localizado no nº 355, 1000 Brodway, Metropolis, Kansas, ao lado do LuthorCorp Plaza e do outro lado da rua do Clube do Ás de Paus.

O último piso tem uma ampla vista para toda a cidade.

Interior Editar

Repórteres juniores e fotografos trabalham em um porão no edifício. Lois Lane e Clark Kent trabalharam lá durante algum tempo. Chloe Sullivan também trabalhou antes de ser demitida.

Existem vários outros espaços internos:

  • Há uma dispensa perto do porão;
  • A grande escadaria no centro edifício percorre todo o caminho do porão ao telhado;
  • Existe também um conjunto de elevadores que liga todos os andares do prédio;
  • Há um enorme congelador no edifício, que é utilizado pela cozinha do jornal;
  • Os melhores repórteres/jornalistas sêniores trabalham nos pisos superiores do edifício;
  • O editor-chefe tem um grande escritório com uma porta de vidro no penúltimo andar do edifício, ele tem uma janela que dá para a cidade;
  • Repórteres top, colunistas e editores tem seus próprios escritórios;
  • Alguns andares são dedicados a departamentos específicos. Por exemplo, todo o sexto andar é dedicado à correspondência política.

Funcionários conhecidos Editar

Atuais funcionários Editar

  • Lois Lane é considerada a melhor repórter do Planeta Diário. Como todos os outros ela começou no porão, mas depois de varias manchetes ela conseguiu ser promovida para o andar de cima. Depois de sua primeira investigação em conjunto com Perry White, o então repórter, disse que seus dons em jornalismo investigativo a levariam a alturas inimagináveis. Lois ganhou notoriedade em todo o mundo por suas habilidades em investigação. Devido a isso ela é membro honorário da Liga da Justiça e trabalha como investigadora quando não está atrás de uma reportagem. Atualmente ela tem um escritório particular no penúltimo andar;
  • Clark Kent conheceu Perry White quando este era jornalista e lhe disse que se Clark ficasse no jornalismo e fosse a Metropolis ele o ajudaria. Sua primeira missão escrita foi um obituário. Além disso, ele já publicou vários artigos;
  • James Bartholomew "Jimmy" Olsen fotografo do Planeta Diário. Geralmente trabalha com Lois e Clark;
  • Perry Withe começou como repórter trabalhando no porão depois ganhou uma mesa em um andar superior. Ele foi anteriormente demitido, indo trabalhar no Metropolis Inquisitor, mas foi recontratado e mandado como correspondente-sênior na Grã-Bretanha, depois de alguns anos voltou como editor-chefe;
  • Franklin Stern é editor e já foi, temporariamente, editor-chefe. Foi promovido por Vincent Edge, dono da GBS;
  • Cat Grant é uma repórter que mudou-se após Ron Troupe ter sido mandado como correspondente em uma guerra na África;
  • Randall Brady é editor do jornal após a morte de Grant Gabriel em uma churrascaria. Foi ele quem promoveu Lois após está fazer uma reportagem sobre o desaparecimento de Lex Luthor;
  • Jeff Hage é um ex-estagiário que Lois usou como assistente-pessoal;
  • Lana Lang editora da coluna de negócios;
  • Ron Troupe é um repórter que foi mandado como correspondente em uma guerra na África.

Ex-funcionários Editar

  • Chloe Sullivan foi uma estagiaria do Planeta Diário como estudante universitária sendo contratada por Pauline Kahn. Ela começou escrevendo obituários e classificados e respondendo a noticias 24 horas. Ela então começou a escrever pequenos artigos de interesse geral. Também conseguiu, com a ajuda de Tess Mercer e Zacariah Smith, provas de que Lionel Luthor esteve por trás da morte de seus próprios pais, porém antes que concluísse sua pesquisa foi demitida pelo então editor-chefe Grant McKinnon;
  • Andrea Rojas trabalhou no jornal como secretaria antes de se tornar a super-heroína Anjo da Vingança;
  • Pauline Kahn foi editora-chefe e foi quem contratou Chloe como estagiaria. Era dito que tinha um caso com uma repórter do jornal;
  • Damon Lasterfield era um apresentador de talk show conservador que trabalhou no Planeta Diário;
  • Grant McKinnon foi o editor-chefe que demitiu Chloe;
  • Ron Black foi um repórter que recebeu ajuda de Chloe em uma investigação para achar uma conexão entre um chefe da máfia e o CEO de uma empresa chamada GoldTech. Após essa reportagem ele conversou com Pauline Kahn sobre Chloe;
  • Esteban Lombardo era um funcionário que foi trabalhar no Estrela Diária;
  • Henry James Olsen é um ex-fotografo do Planeta Diário tendo ido trabalhar na WGBS;

Funcionários falecidos Editar

  • Max Taylor era editora de uma coluna sobre ciência. Foi morta por seu assistente hipnotizado;
  • Linda Lake foi uma colunista de fofocas. Usava de suas habilidades de transformar-se para escutar conversas alheias e publica-las. Foi morta em uma explosão no prédio;
  • Brennan Chesterfield era um repórter que foi baleado por assassinos contratados para que sua reportagem, sobre a máfia, não fosse publicada.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.